quinta-feira, março 02, 2006

A Primavera de Praga

Em 25 de Fevereiro passado, fez 37 anos que um estudante checo de 18 anos, de nome Jan Zajic, se imolou pelo fogo, em protesto contra a ocupação da sua pátria pelos comunistas. Deixou quatro cartas e um poema dedicado ao primeiro dos 26 que se tentaram suicidar (7 morreram) ritualmente, entre 20 de Janeiro de 1969 e o fim de Abril desse ano - Jan Palach, estudante como ele. Jan Zajic intitulou-se o Facho nº 2.
Em Portugal dois militantes nacionalistas ( José Valle de Figueiredo e Manuel Rebanda) criariam aquela que viria a ser uma das mais emblemáticas canções de resistência à onda dominante do esquerdismo caceteiro que desde meados dos anos 50, cavalgando os denominados católicos progressistas, dominavam as nossas academias.
Ei-lo,o Requiem por Jan Palach, numa versão de VL acompanhado à viola por José de Campos e Sousa...


Powered by Castpost

11 comentários:

O Jansenista disse...

Eu que ando sempre com a couraça da ironia, agora apanhaste-me com a guarda em baixo e deixei-me comover sinceramente. Fechei os olhos, ouvi 2 ou 3 vezes a gravação (no Altair?) e viajei muitos anos para trás, para o tempo em que era um jovenzinho idealista, em que entoava estes hinos convicto e estavam vivas, muito vivas, tantas coisas que se perderam. Obrigado, melhor do que isto é impossível...

pedro guedes disse...

Extraordinário!

Mendo Ramires disse...

Uma maravilha!
E, depois do extraordinário serão do outro dia - inesquecível!
Aqui, aprende-se.
Bem-haja!

F. Santos disse...

No outro dia só faltou mesmo a guitarra de Campos e Sousa.
Grande Engenheiro!

Mendo Ramires disse...

Queremos mais!

F. Santos disse...

Como "certa" declamação do "Cântico Negro"?...

HNO disse...

Obrigado por esta recordação que sempre me emociona...

VL disse...

Para o Jansenista:

«Fechei os olhos, ouvi 2 ou 3 vezes a gravação (no Altair?)»

Não. Não foi no Altaír. Foi no "forum"-quintal do Saldanha,
em 1985, salvo erro, durante um
convívio organizado pelo MN.
Esta gravação estava algo "acelerada", e deve ter dado algum trabalho rectificá-la. Era uma das prioridades que em tempos fixámos...Ainda bem que o 'engenheiro' lá conseguiu 'engenhar'...

VL

o engenheiro disse...

Ó VL. Conseguimos fixar, quem ?
Será algum nós majestático ?

O Jansenista disse...

Em 1985? Mas a "atmosfera" é bem a do "verão quente"...
Ah, e parabéns atrasados pela namorada que há uns tempos aqui o Eng. revelou...

Vicente Garcia disse...

Boa noite,

Será que é possível arranjar uma cópia desta música, de alguma forma?

Cumprimentos,
MVG (vicente.garcia1993@gmail.com)